quarta-feira, julho 28, 2010

.comigo.


Sabe, tive tanta dificuldade pra aceitar as coisas como elas são.
Essa coisa de receber amor e conseguir entregá-lo de braços abertos.
E esses dias todos aprendendo a te esperar com o coração leve, e tantas manhãs te acordando ou sendo despertada por você...
Isso tudo fez algo mudar nos meus sentimentos, no meu agir, no meu não pensar antes de agir.
Me fez te encontrar sempre com um sorriso de quem está na expectativa de uma festa surpresa de aniversário.
Me faz aceitar finalmente as coisas boas, porque as ruins nem são tão ruins assim quando eu encontro você.
Me cicatrizou tantas feridas profundas que eu nem sabia mais aonde sangrava aquele choro doído, aquelas lágrimas abafadas pelo travesseiro já manchado de rímel e sal.
Tantas faltas, tantas perdas que já não tem mais lugar. Tantas rimas que eu guardei em mim por não ter um poema aonde coubesse um só verso feliz. Aí eu vi você.
Aos poucos você foi cobrindo de flores um deserto árido no meu coração. Ele conseguiu te esperar tempo suficiente sem ar pra hoje suspirar por cada passo seu.
Ah, quanto clichê. Quantas páginas de romances com um final feliz a se preencher.
Me preenche. Me faz seguir assim, caminhando com esta serenidade desconhecida.
Aquele riso escondido, quase secreto ao te ver.
Segura as minhas mãos antes de deitar. Deixa que eu te seguro quando você não puder se carregar.
Vem aqui, vai lá. Estamos juntos de fato. E esse acaso todo que nos uniu não nos conservou juntos por acaso, eu sei.
Sei que é de recíprocas diárias que se faz esse caminho todo que não sabemos direito qual é e pra quê.
Sei que eu te amo. E esta frase que antes parecia tão difícil de sentir ou falar, ganhou uma página toda a se escrever com você.

4 comentários:

Liliane disse...

Museu do olho?

Nichollas disse...

Bic, tudo que você escreve é de uma simplicidade tão incrível, que só resta a vontade de suspirar. Valeu por mais esse presente!

carla reis disse...

"Ele conseguiu te esperar tempo suficiente sem ar pra hoje suspirar por cada passo seu."

Que texto lindo e simples, muito lindo mesmo!

nina f. disse...

...é tão suave. lindo.