sábado, novembro 24, 2007

[.] texto sem título da bic



Sabe aquela coisa de sentir frio na barriga quando olha? Vontade de ser um pouco mais de tudo pra viver bem mais? De dividir café, montar os quebra-cabeças que estavam bem bagunçados dentro de si, marcar hora e não se atrasar, pegar chuva sem molhar, dormir e nem olhar pro relógio porque o tempo marcado vem do compasso do coração de alguém?
Sabe como é pegar na mão sem largar pra atravessar a rua movimentada, passar a tarde e chegar a noite sem pensar que já é tarde o suficiente pra ir embora sem magoar, chegar em casa e não ter que arrumar as coisas de lugar, sem contar os segundos que faltam pra solidão partir tudo em dois, sem deixar as coisas pra depois, sem nem pensar que alguém chegou bailando e agora sua valsa tem par? Sabe como é? Eu sei.
E se tudo é passageiro, se tudo isso vem tão rápido, prefiro passar este tempo assim. Porque isso é o melhor de mim e eu não sei viver se for em vão.

2 comentários:

Hein, rique disse...

esse foi o texto mais bonitinho e singelo e legal que eu li de vc até hoje.


e viva!

Dann Schuchter. disse...

Finalmente voltei ao seu blog...
que maravilha é estar de volta e poder escrever coments :)

eu tambem nao consegui pensar num titulo :_)