segunda-feira, junho 27, 2011

.que assim seja.


Queria eu poder escrever tudo o que eu te desejo, filho.
Queria te mostrar o tamanho e a cor destes desejos.
Desejo tanto te ver, olhar pra você e finalmente enxergar dos teus olhos até a sua alma doce.
Quero te pegar nos braços, te ajudar a encontrar as tuas mãos nas minhas, te guiar a este caminho tão desconhecido até o meu colo quente e te alimentar.
Quero que você seja um bebê aconchegado, aninhado, que se sinta protegido e enfim em casa. Quero o teu primeiro dente. Teu primeiro passo desajeitado como um passarinho saindo do ninho. Desejo estar ao teu lado nesta sua primeira caminhada e em todas as outras, até quando tuas pernas forem mais compridas que as minhas e eu te peça que, paciente, ande mais devagar.
Quero logo ter você aqui na nossa casa. Quero logo ouvir os seus "as" e "buás" e desejo muito o dia em que ouvirei "mamãe".
Desejo esta sua vinda para a casa, que é na verdade uma volta para um lugar que sempre foi teu.
Ah, meu filho. Como eu desejo que você seja criança. Que você aproveite toda a sua infância.
Que você se lembre dos cheiros, dos sons, dos gostos bons de cada coisa.
Que você brinque muito. Que tenha um bom amigo imaginário. Que você descubra cada desenho nas nuvens do céu e cada bichinho no chão. É tudo teu.
Quero que as suas corridas até o infinito sejam sempre velozes e que os seus pulos até o céu sejam sempre os mais altos.
Que você tenha muitos desenhos com giz de cera e muitas esculturas tortas e cheias de digitais na argila.
Quero que me faça muitos corações de papel e declarações de amor que irão me fazer chorar sobre a cartolina.
Desejo que você cresça ao seu tempo, que não pule fases porque elas não voltam, sabe.
Que você possa ir abandonando suavemente a infância para que possa ter vergonha de me beijar a testa em público na hora certa.
Desejo que você encontre suas qualidades. E que quando duvidar delas, saiba que elas não deixaram de existir por causa disso. É só procurar elas de novo dentro de você. De novo e de novo e de novo, até o fim.
Desejo-lhe coragem. Não uma coragem cega que te leve a perigos, mas que você tenha sempre a coragem de recomeçar quando for necessário e de persistir quando ainda parecer que é impossível.
Quero que cada aniversário traga sempre mais um ano de aprendizados para sua vida, para que quando crescer você tenha muito conhecimento na bagagem e poucas mágoas para carregar.
Que seja um jovem de opinião, mas que não se exclua também. Que se destaque por feitos pessoais, mas que aprenda a respeitar o que os outros podem lhe oferecer. ah, isso é tão difícil.
Quero que você tenha paz dentro de você, mas que tenha ímpeto de iniciar expedições rumo a novas idéias.
Que seja como todos os jovens: tolo.
Mas que nunca permita que os outros o façam de tolo também.
Que você tenha voz, mas saiba calar quando o outro quiser dizer algo.
Desejo que você me ensine as novas tecnologias com paciência, que programe meus eletrodomésticos da casa porque eu já nem saberei mexer neles com a mesma destreza que você.
Que você tenha respeito pelo seu pai. Ele sabe o que diz e sim, você está errado.
Eu não avisei?
Leva um casaco.
Me avisa quando chegar.
Não fecha essa porta na minha cara, menino!
Volta aqui que eu ainda não terminei.
Se o seu pai disse que não, é não.
Ele também ama você, sempre amou e sempre vai amar.
Peça desculpas.
Quero que você sempre saiba pedir perdão e principalmente que saiba perdoar os outros. É complicado perdoar, eu sei bem.
Mas quero que saiba que nenhuma coisa no mundo é mais importante que você. E desde que você era do tamanho de um arroz isso já era assim.
Que você encontre um grande amor. Que perca o ar ao se apaixonar. Que te tire o fôlego e o chão. Que isso aconteça pelo menos uma vez na sua vida.
Desejo que com sorte, só seja necessário acontecer uma vez e que seja pra sempre também.
Que você seja um bom amigo, um bom namorado, um bom marido. Que você nunca seja leviano com o coração de ninguém.
Que ninguém nunca te faça sofrer, porque mais do que sofrer junto eu certamente irei atrás deste tal alguém e te defender.
Desejo que você seja alegre. Que encontre alegria até em coisas que pareçam inóspitas e frias.
Apesar de desejar que você seja feliz o maior tempo possível, sei que não posso te impedir de ter algumas tristezas também. Elas servem pra que a gente saiba como é bom estar feliz e dar valor a estes momentos.
Não desejo que você não caia, seria egoísmo meu. Mas quero que você aprenda a se levantar. A erguer os outros também, porque ninguém pode subir por cima dos outros.
Que você encontre a sua razão.
Que você possa um dia me olhar e sentir orgulho, pois eu já me orgulho de você só pelo fato do seu coração bater.
Que você tenha amor dentro de você.
Que você seja melhor sempre, sem nunca ter que diminuir ninguém.
Que você saiba que mesmo quando tudo parecer ter escapado das suas mãos, ainda assim terá os meus braços pra te segurar.
Que você nunca esqueça que seu pai e sua mãe o desejaram muito. Você está sendo esperado. Muito ansiosamente esperado.
Que você tenha a certeza de que duas pessoas aqui neste mundo fizeram você com amor e que neste momento, enquanto você se move na minha barriga, eu estou movendo o mundo todo por você.

11 comentários:

Madame Jaleco disse...

Que texto lindo!
Sabe quando você soluça no final? Lindo mesmo!
Que bebê mais amado!

Ninguém Te Disse disse...

Que coisa mais linda *~*
Eu to arrepiada aqui.

Tay disse...

parabens!!!!
só de ler teu texto nota-se que vc sera uma mão maravilhosa que seu filho sera abençoado

parabens pela sencibilidade

Amanda Sousa disse...

Só eu percebi que o garoto ta vestido de Wilson? WTF?

Kety disse...

Ai que lindo! adorei...

Jacqueline Hochberg disse...

Lindo texto. E, como diz o título, que assim seja.

Luciana disse...

Lindo! To aqui no auge da minha ansiedade (37 semanas) e penso nessas coisas que você escreveu o tempo todo.
Coloquei no meu FB (com crédito, claro).
Seu filho tem muita sorte de ter uma mãe tão sensível e ao mesmo tempo tão bem humorada.
Boa sorte pra vocês.

Porpps disse...

Texto lindo demais mesmo!!!

Ana Gabriela disse...

O Arthur vai ser uma criança feliz. Disso não tenham dúvidas

Carla disse...

Ô, Bic, que texto lindo! Tenho aqui o meu "potoco" de 1 ano e 5 meses e estou aos prantos com seu texto. Impecável. Parabéns e felicidades para vocês! Bjs!

Matrikiran disse...

I like very much your way of presentation Some great information to be absorbed in this post.Thanks a lot for sharing.
Education by Vatika | apartments in gurgaon | builders in gurgaon | buy flats in gurgaon